A águia e o burro

Em uma floresta a águia e o burro discutiam calorosamente. O burro afirmava para a águia que a grama era azul e a águia tentava convencer o burro que a grama era verde. A discussão levou horas e juntou vários animais para acompanhar a discussão. A discussão chegou a um tal ponto que a bicharada chegou a tomar partido do burro, achando realmente que a grama era azul!

Já quase anoitecia quando o leão, Rei da Selva chegou para ver o que estava acontecendo. Vendo a discussão o Rei da Selva chamou a águia e o burro de lado para saber que alvoroço era aquele.

 Imediatamente o burro disse que a águia passou o dia o importunando dizendo que a grama era verde e perguntou “Vossa Majestade, a grama é azul? O Leão logo disse, tem razão burro a grama é azul! Então o burro exigiu uma punição para a águia. O leão atendeu o pleito do animal e declarou “Você águia, como castigo ficará cinco anos em silêncio”.

O burro saiu vitorioso e continuou a caminhar pela floresta dizendo que a grama era azul e a sua afirmação era tão convicta que alguns animais passaram a segui-lo pela floresta.

A águia aceitou sua punição e perguntou “Vossa Majestade, por que me castigou? afinal a grama é verde “. O Rei Leão explicou.  “Tem razão, a grama é verde e nem que o burro desse um jeito de pintá-la de azul ela sempre será verde”! E continuou explicando que a punição não estava relacionada a discussão e sim por sua atitude pois ele não entendia como uma ave conhecida por sua força, agilidade e perspicácia poderia discutir com um burro sobre uma coisa tão evidente como a cor da grama e ainda ajudar o burro, com a discussão, a propagar suas ideias!

A pior coisa que existe é discutir com uma pessoa tola que não busca a verdade e só quer propagar suas crenças e ilusões. Pessoas assim apenas se preocupam em sair vitoriosas, por mais evidências que tenham insistem em não compreender o ponto de vista dos outros e a propagar suas “verdades”. Infelizmente quando discutimos com pessoas tolas e com crenças fervorosas sobre determinado assunto acabamos causando o efeito backfire, o popular tiro pela culatra pois de tanto repetir a verdade acabamos dando chance para que as pessoas ao menos parem para escutar um pedacinho do discurso do tolo para conferir se o que ele fala tem o fundo de verdade. O curioso é que as vezes por mais evidências que se tenha, fica difícil de saber quem fala a verdade!

Vamos refletir e sucesso!

Funcionário Giz

Não se deixe levar pelas tempestades corporativas

Essa semana conversando com um amigo ele dizia que devido à pressão do mundo corporativo ele estava se sentido como um funcionário giz.

Logo perguntei como assim funcionário giz? Ele me explicou que funcionário giz é aquele que sempre recebe novas atribuições, não reclama por isso e depois de Continuar a ler

Tire o S da crise

Para enfrentar a crise é preciso criar

Por Pedro Paulo Morales

O título desse artigo não é original e tive contato com ele em um outro artigo porem ele me parece muito pertinente para a época que estamos vivendo. A clássica definição para a palavra crise é de que é uma palavra de origem grega e transmite ideia de mudança e é muito usada na psicologia para indicar uma perda ou fase de substituição de algo e quando ocorre uma situação dessa a pessoa tem que trabalhar para encontrar o equilíbrio.   Continuar a ler

Você tem escrito em pedra ou areia?

                Conta-se que dois amigos estavam andando em uma praia muito bonita onde junto observavam a natureza e contemplavam a bela paisagem. Em um certo momento Antônio começou a se desentender com o seu amigo Marcos. Antônio naquele dia estava sem com alguns problemas pessoais e não gostou dos comentários de Antônio e sem pensar deu um soco em Marcos. Continuar a ler