MotivAÇÃO

Por Pedro Paulo Morales

MotivAÇÃO nada mais é de que ter um motivo para agir, uma força que vem de dentro do individuo.

Leitores. Imaginem um porquinho daquele modelo de cofrinho que toda a criança tem para colocar as moedinhas. No começo a criança fica desanimada com as poucas moedinhas depositadas no cofrinho, mas à medida que o numero de moedas vai aumentando as crianças ficam eufóricas e querem economizar (ação) mais, para logo encher o cofrinho e atingir o seu objetivo, comprar um brinquedo.

Sabe por que isto acontece? Elas estão motivadas.

MotivAÇÃO nada mais é de que ter um motivo para agir, uma força que vem de dentro do individuo ,que direciona ou canaliza as ações de para um determinado objetivo , como cada pessoa tem um objetivo torna-se muito difícil encontrar uma única formula para motivar as pessoas.

As pessoas têm diferentes maneiras de encarar a vida e quase sempre o interesse de uma não é o da outra, isso acontece com pais e filhos, marido e mulher, colegas de trabalho e amigos. A motivação é algo que esta dentro das pessoas e é ativada quando ela encontra motivos para agir, ou seja, um objetivo que seja capaz leva-la em direção ao que ela deseja.

A motivAÇÃO não é estática, uma pessoa não fica motivada por muito tempo porque surgem os problemas que nunca são iguais a um outro problema enfrentado , existem os difíceis, médios e fáceis que dependendo da motivação do individuo pode assumir vários graus de dificuldade, o que vai fazer você a superá-los são “moedinhas” existentes no cofrinho.

MotivAÇÃO pode ser comparada também a andar de bicicleta, quanto mais rápido vamos mais rápidos chegamos porem se pedalamos devagar acabamos caindo porque não temos força para nos manter de em movimento.

Podemos concluir que motivação quer seja para a vida ou trabalho não se trata apenas de bons pensamentos é preciso agir em direção aos seus objetivos, desenvolver meios de automotivação, como dividir o objetivo em etapas para sentir o gosto da vitória e com isso ganhar mais motivAÇÃO para outras etapas, seria algo como de vez em quando balançar o “cofrinho” para ouvir o tilintar das moedinhas. Vamos refletir sobre isso!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s