Sobre Poder e Autoridade. Os princípios de liderança servidora do Monge e o Executivo.

Por : Pedro Paulo Galindo Morales.

Resumo: O artigo fala sobre liderança dos princípios de liderança servidora do Monge e o Executivo do autor James C. Hunter em seu livro “Como se tornar um líder Servidor” Capitulo 2.

A liderança e o caráter são determinados pelas opções diárias que fazemos estas é uma das duas únicas coisas de que temos certezas na vida à outra é a morte.

A maioria dos papeis de liderança vem junto com o poder, mas sempre sem o desenvolvimento da autoridade.

Para Hunter há uma diferença entre poder e autoridade e para explicar essa diferença ele recorre a Max Weber um dos fundadores da sociologia, ele desenvolveu a teoria da organização social e econômica em que aponta as diferenças entre poder e autoridade. Para Weber o raciocínio é o seguinte: poder é quando obrigamos alguém a fazer algo quando podemos fazer o uso de algum tipo de represália e autoridade é a habilidade de fazer com que uma pessoa faça alguma tarefa de bom grado por que temos influencia.

O poder funciona por um bom período porem ao longo do tempo começa a deteriorar os relacionamentos. Nas empresas o uso desse poder pode levar a uma serie de problemas de relacionamento que ir atrapalhar o lucro da empresa.

Para que uma empresa sobreviva, ela tem que atender necessidade humana se ela não fizer isso ela ira desaparecer. As empresas saudáveis são aquelas que mantém um bom relacionamento com os clientes,funcionários ,acionistas, fornecedores e comunidade . No novo milênio a cultura do poder será incapaz de manter a empresa competitiva no mercado.

O mundo esta mudando não há mais lugar para os velhos paradigmas, a estrutura piramidal da hierarquia militar, onde a técnica de gestão pregava que o funcionário não precisava pensar e o que importava era fazer o chefe feliz ficou cada vez mais distante.

Hoje o que vale é agradar o cliente, estimular as pessoas a trabalharem com qualidade e desperta-las para a inovação dos processos, a liderança moderna exige habilidades como paciência e confiança.

O poder deve ser usado em situações especificas para atender as necessidades do momento e quando o usamos nos sentimos frustrados, pois sabemos que quando usamos a autoridade conseguimos a colaboração dos outros e conseguimos isso através da influencia sobre as pessoas e como surge a autoridade?

Surge através da disponibilidade que o líder demonstra em ajudar as pessoas que estão sob a sua liderança a se tornarem melhores, ele serve as pessoas (identifica suas necessidades).

(Pedro Paulo Galindo Morales é Tecnólogo em Gestão, Pós- Graduado em Controladoria, Técnico em Contabilidade e escritor da web, pedropaulomorales@yahoo.com.br ).

Sobre Liderança: Os Princípios de Liderança de O Monge e O Executivo

Por Pedro Paulo Galindo Morales.

Resumo: O artigo fala sobre liderança dos princípios de liderança servidora do Monge e o Executivo do autor James C. Hunter em seu livro “Como se tornar um líder Servidor” Capitulo 1.

Vamos falar neste espaço sobre liderança mais especificamente dos princípios de liderança servidora do Monge e o Executivo do autor James C. Hunter que iniciou sua carreira como na área de recursos humanos em Detroit, Estados Unidos e se tornou consultor na área trabalhista.

No começo Hunter trabalhou junto a diretoria das empresas tentando neutralizar pessoas que pensavam diferente do que as empresas achavam certo , pessoas que mobilizavam outras pessoas , que cobravam seus direitos ou exigiam melhores condições de trabalho .

Foi gasto muito tempo para tentar silenciar essas pessoas ate Hunter chegar à conclusão que essas tinham razão, o problema estava no estilo de liderança e não nos liderados.

Para o autor o maior indicador de saúde ou doença organizacional esta na liderança ou sua ausência e observa que existe semelhança entre empresas saudáveis e empresas doentes e a semelhança esta na liderança exercida dentro da empresa sendo assim Hunter decidiu descobrir se clichês com “O líder é responsável pelo crescimento ou declínio de qualquer coisa” , ‘Tudo começa no topo” ou “Não há equipes fracas apenas lideres fracos” tem algum fundo de verdade.

Hunter diz que a liderança nas instituições esta falha porque muitas vezes os lideres não se preocupam em dar as pessoas aquilo o que elas querem e não aquilo o que elas precisam e usam esse estilo de liderança quer seja na política, nas empresas com os filhos , na escola ou igrejas com o intuito de não gerar conflitos e não percebem que quando deixam de fazer isso não estão fazendo a coisa certa , estão cometendo falhas que como veremos mais adiante, esta falha é de caráter.

Para Hunter liderança é “A habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir objetivos comuns inspirando confiança por meio da força do caráter”.

Liderança não é gerencia, gerenciar é o que fazemos para planejar, organizar controlar e manter tudo em ordem. Liderar é quando inspiramos outras pessoas a fazer um bom trabalho envolvendo- as a ponto de elas colocarem seu coração, mente e espírito a serviço de um objetivo.

Para liderar não é preciso ser chefe, basta ter habilidade para influenciar as pessoas para o bem, ou seja, o líder deve ser capaz de deixar a sua marca na equipe e deveter consciência que o sucesso de uma em presa, equipe ou departamento depende do tipo de influencia que se faz junto as pessoas.

Liderança é muita responsabilidade, pois seres humanos são confiados aos lideres que devem ter a noção que estão interferindo na vida destas pessoas, nas suas carreiras, os lideres devem ser fonte de inspiração para que os liderados possam se desenvolver, o líder deve refletir sobre como influencia a vida dessas pessoas e repito aqui a citação a citação que Hunter faz do autor do livro Liderança é uma arte de Max Depree “Liderança é uma profunda interferência na vida de outras pessoas”.

Liderança é uma habilidade que pode ser aprendida e não depende de um fator genético , como toda habilidade ela deve ser aprendida, conquistada por meio da educação e aplicação bastando para isso uma combinação de desejo , instrumentos e ações apropriadas.

Liderar é influenciar pessoas para que elas façam as tarefas com entusiasmo e para que isso aconteça os lideres são escolhidos pelo caráter, que pode ser definido como as características que uma pessoa tem que ter frente a uma adversidade e o tipo de escolha que ela faz no dia a dia, entre o certo e o errado sendo que se espera que o líder escolha sempre o certo ignorando impulsos e caprichos independentes se há custos pessoais envolvidos ou não.

O bom líder deve ser avaliado pela capacidade que teve de influenciar a vida de outras pessoas, ou seja, ele deve olhar para o lado e descobrir como estão as pessoas que liderou e assim encontrar as respostas.

A liderança servidora não é para fracos e nem deve ser encarada como “entregar a direção do hospício aos doentes” e sim com uma liderança que deve oferecer orientação e condições para que as pessoas se sintam capazes de realizar a missão da empresa.

Vivendo no futuro, sonhando com o realizado.

Leitores. Desde que ouvi a frase “Vivendo no futuro, sonhando com o realizado”  em uma pequena reunião de trabalho daquelas que duram dez minutos em que o  objetivo é tirar duvida a cerca de uma tarefa, venho pensando sobre o titulo deste artigo.

Mas porque esta frase mexeu comigo?

È certo que o planejamento empresarial tem um papel importante para as organizações e que sem ele não chegamos aos objetivos pretendidos porem é certo também que para planejar o futuro temos que analisar o presente verificar os problemas que precisam ser corrigidos porque o papel e planilhas Excel aceitam tudo com muita facilidade e a simples ato de sonhar com o realizado perfeito não gerente uma vida perfeita no futuro.

È com o realizado de hoje que temos a oportunidade de aprender e o mais importante tentar corrigir o que esta dando errado, fornecer aos que estão fazendo o planejamento experiências, motivos e argumentos para que enganos, processos muito complexos ou de difíceis aplicações não sejam levados para o futuro apenas porque se esta “sonhando” com um realizado perfeito no futuro, essa atitude pode ser comparada a uma viagem dos sonhos que estamos planejando há algum tempo porem se nesta viagem planejamos ir de carro e nosso carro esta com um defeito mecânico muito provavelmente não teremos o realizado de nossos sonhos.

Para que nosso realizado seja o que sonhamos devemos:

  1. Analisar a situação levando em conta tanto o ambiente externo quanto o interno (processos muito complexos ou de difíceis aplicações, por exemplo).
  2. A definição da missão da empresa ou projeto deve em concordância com a visão da empresa;
  3. Formular objetivos alcançáveis.
  4. Formular estratégias que primem por simplicidade e que sejam de fácil entendimento;
  5. Avaliar seus possíveis resultados a frente dos objetivos estabelecidos.

O sucesso do realizado de uma estratégia ou tarefa esta muito relacionada com a capacidade que temos de antever problemas e soluções, encerro este texto com uma frase de Alvin Toffler “O futuro não é predeterminado. É, pelo menos em parte, sujeito à nossa influência. O nosso interesse deve ser, pois, focalizar futuros previsíveis tanto quanto os que são possíveis e prováveis.” Vamos refletir sobre isso!

Os Alicerces da vida

Pedro Paulo Galindo Morales.

Resumo: A vida é como uma casa que deve ser erguida sobre um bom alicerce.

Os alicerces são cordões de concreto e ferro, que servem de base para as paredes e colunas. Todo o ser humano constrói sua vida baseada em relações e estas se parecem muito com os alicerces de uma casa. Os primeiros alicerces da vida de uma pessoa são os pais que desde idade mais tenra cuidam com carinho do novo ser que aprende com essas primeiras lições a amar e ser amado a compreender e ser compreendido, este alicerce é o mais forte de toda a vida e é onde esta fincada a primeira coluna de nossa vida.

Depois de “construído” o primeiro cômodo da nossa casa aqui na terra, é hora de construir o segundo cômodo que abrigará a família, irmãos, tios primos e avos que também deve ser construído com bastante solidez para que dure a vida toda.

Vamos continuando construir a nossa casa e agora chega a hora do cômodo para acomodar os amigos, amigos de escola, de brincadeiras, de perto de casa, é nesse momento que começamos a erguer as primeiras colunas que irão sustentar as nossas experiências de vida se estas não tiverem um bom alicerce correremos o risco de um desmoronamento e caso isso ocorra temos que começar tudo novamente.

Continuando a construção de nossa casa temos o cômodo onde instalaremos o nosso lado profissional é nesse momento que chegamos a nossa segunda mais importante coluna, o trabalho. É esta coluna que ira equilibrar toda nossa vida porque é neste cômodo que abrigaremos a nossa auto realização, satisfação e segurança e também onde ganharemos o nosso pão.

Em uma fase da vida surge à necessidade de construirmos um cômodo especial destinado a abrigar nosso relacionamento com nosso companheiro (a) quer seja namorado (a), esposo (a) ou simplesmente alguém especial, este cômodo da nossa casa deve ser bem feito e bem planejado para que possa aguentar as mais diversas circunstancias trazida pela vida. È nesse cômodo que também criaremos nossos filhos motivo pelo qual ele deve ser seguro e a prova de infiltrações e rachaduras.

Quando todos os cômodos da casa estiverem prontos teremos que cobrir a casa com um excelente telhado para que fiquemos protegidos das tempestades e ventanias que certamente enfrentaremos na vida.

A vida é como uma casa que deve ser erguida sobre um bom alicerce onde em sua composição estarão presentes a honestidade, compreensão, solidariedade e respeito.

Como em nossa casa, na vida devemos fazer reformas, ampliar cômodos, abrir portas ou fecha-las procurar desenvolver novas estruturas, porem devemos entender que para termos sucesso precisamos sempre usar o alicerce que temos porem devemos tomar cuidado para não abalarmos os alicerces com infiltrações (ideias contraria a nossos princípios) ou submetê-los a um peso muito forte, porque se isso acontecer a nossa casa (vida) poderá desabar, e além de nos ferirmos, poderemos ferir muitas pessoas que queremos bem.